Esportes Náuticos

Ponto de Encontro dos Profissionais, Estudantes e Pesquisadores

Entrar no Grupo

Vela Olímpica



Rio de Janeiro, 8 de junho de 2015

 

EQUIPE BRASILEIRA DE VELA DISPUTA A ETAPA DE WEYMOUTH DA COPA DO MUNDO

 

 

 Atuais campeãs mundiais e já classificadas para os Jogos Olímpicos Rio 2016, Martine Grael e Kahena Kunze brigam para continuar no topo do ranking mundial

 

Crédito: Martine e Kahena: Pedro Martinez/Sofia

Crédito: Bruno Fontes e Jorge Zarif: US Sailing

 

No retorno ao palco da vela nos Jogos Olímpicos de Londres, na Inglaterra, em 2012, a dupla campeã mundial na classe 49erFX Martine Grael e Kahena Kunze briga a partir de quarta-feira (dia 10) para se manter no topo do ranking mundial. Na raia de Weymouth, as duas, ao lado de outros atletas da Equipe Brasileira de Vela, disputam mais uma etapa da Copa do Mundo da Federação Internacional de Vela (ISAF). Nesta segunda-feira (dia 8) e na terça-feira (dia 9), os velejadores treinam na raia.

 

 

“Em Weymouth, as condições de vento estarão mais fortes. Mas estou ansiosa para retornar à raia em que eu tanto treinei na campanha para os Jogos Olímpicos de 2012”, disse Martine que, ao lado de Kahena, já garantiu a vaga na Olimpíada do Rio. Na disputa pela ponta do ranking mundial, as brasileiras somam atualmente 875 pontos contra 840 das dinamarquesas Jena Hansen e Katja Salskov-Iversen.

 

Também competem na raia de Weymouth Henrique Haddad/Bruno Bethlem e Geison Mendes/Gustavo Thiesen, na 470 masculino; Marco Grael/Gabriel Borges e Dante Bianchi/Thomas Lowbeer, na 49er; Jorge Zarif, na Finn; Bruno Fontes, na Laser; Ricardo  Winicki e Gabriel Bastos, na RS:X masculino; Bruna Martinelli, na RS:X feminina; e Maria Cristina Boabaid, na Laser Radial.

 

Em 2015, a Equipe Brasileira de Vela já faturou cinco medalhas nas etapas da Copa do Mundo. Em Miami, nos Estados Unidos, Martine e Kahena ganharam o bronze. Em Hyères, na França, a dupla da 49erFX ficou com a prata, enquanto Fernanda Oliveira e Ana Barbachan conquistaram o ouro na 470 feminino. Robert Scheidt, na Laser, e Patrícia Freitas, na RS:X feminino, ficaram com o bronze.

 

Sobre a CBVela

 

A Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é a representante oficial da vela esportiva do país nos âmbitos nacional e internacional. É filiada à Federação Internacional de Vela (Isaf) e ao Comitê Olímpico do Brasil (COB). Tem o Bradesco como patrocinador oficial, o Grupo BG Brasil como co-patrocinador e a Slam como fornecedora oficial. A vela é a modalidade com o maior número de medalhas de ouro olímpicas na história do esporte do Brasil: seis. Ao todo, os velejadores brasileiros já conquistaram 17 medalhas em Jogos Olímpicos.

 

Confira os brasileiros na etapa de Weymouth:

470 masculino: Henrique Haddad/Bruno Bethlem e Geison Mendes/Gustavo Thiesen

49er: Marco Grael/Gabriel Borges e Dante Bianchi/Thomas Lowbeer

Finn: Jorge Zarif

Laser: Bruno Fontes

RS:X masculino: Ricardo Winicki e Gabriel Bastos

49erFX: Martine Grael/Kahena Kunze

Laser Radial: Maria Cristina Boabaid

RS:X feminina: Bruna Martinelli

Comentários

Para comentar, é necessário ser cadastrado no CEV fazer parte dessa comunidade. Clique aqui para entrar.


:-)





© 1996-2022 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.