Variação Diurna Entre Matutinos e Vespertinos nos Tempos de Reação Motora e de Movimento

Por: Ana Amélia Benedito-silva, e Mariana Muriel Vitorio Falconi.

Revista da Educação Física - UEM - v.27 - n.1 - 2016

Send to Kindle


Resumo

O ritmo circadiano do desempenho motor é sincronizado ao ritmo da temperatura corporal, com picos ao final da tarde, e ao ciclo vigília-sono, com diferenças individuais quanto às preferências pelos horários de dormir e acordar. O objetivo deste trabalho foi o de verificar se diferenças entre as preferências de horários de dormir e acordar (matutinidade-vespertinidade) se sobrepõem à influência da temperatura corporal no desempenho motor. Quarenta universitários, 20 matutinos e 20 vespertinos, realizaram uma tarefa motora para medir o tempo de reação (TR) diante de estímulos visuais apresentados pela manhã e à tarde. Os resultados mostraram que tanto matutinos quanto vespertinos apresentaram valores de TR menores à tarde e que pela manhã os matutinos obtiveram valores de TR menores que os vespertinos. Pode-se concluir que o TR não foi influenciado pela matutinidade-vespertinidade, mas sim pelo momento circadiano do pico de temperatura.

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/25318

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2023 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.