Prevalência de Lesões Osteomusculares em Jogadores de Futebol Acreanos nas Temporadas 2016-2018

Por: Antonio Clodoaldo Melo de Castro Clodoaldo, Jader de Andrade Bezerra, Jaqueline dos Santos Valente Barros e Jeane Maria Moura Costa.

Journal Of Physical Education - v.33 - n.1 - 2022

Send to Kindle


Resumo

O  objetivo  do  estudo  foi  verificar  a  prevalência  de  lesões  osteomusculares  em  jogadores  de  futebol  profissional  do  estado  do  Acre,  nas  temporadas  2016,  2017  e  2018.  Método:  A  amostra  foi  composta  por  112  atletas  profissionais  de  futebol,  por  meio  da  verificação  dos  prontuários  dos  jogadores  que  apresentaram  alguma  ocorrência  de  lesão  e  entrevista  com  os  atletas  e/ou  os  responsáveis  pelo  seu  tratamento.  Foram  coletadas  informações  referentes  às  características  das  lesões  desportivas:  tipo  da  lesão,  se  a  lesão  ocorreu  durante  os  jogos  ou  treinos,  local  corpóreo  afetado  e  posição  que  o  atleta  jogava.  Resultados:  O  estiramento  38  (33,9%)  e  a  contratura  41  (36,6%)  foram  as  lesões  que  mais  acometem  os  atletas,  seguidos  pela  contusão  9  (8,0%),  luxação  6  (5,4%)    e  tendinite  5  (4,5%).  Os  membros  inferiores  são  os  que  mais  apresentam  algum  tipo  de  lesão,  sendo  o  posterior  da  coxa,  joelho  e  tornozelo  os  locais  com  maior  frequência.  Os  laterais  e  meio  campistas  são  as  posições  com  maior  prevalência  de  lesões.    Em  2016  a  prevalência  de  lesões  era  maior  nos  jogos  do  que  nos  treinos,  sendo  que,  no  decorrer  das  temporadas  houve  uma  inversão  para  uma  maior  prevalência  nos  treinos.  Conclusão:  A  prevalência  de  lesões  nos  jogadores  de  futebol  Acreanos  é  alta,  com  maior  frequência  nos  laterais,  meio  atacantes  e  atacantes,  sendo  notório,  a  utilização  de  meios  de  prevenção  para  essas  lesões.

Endereço: https://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/50482

Comentários


:-)





© 1996-2023 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.