Perfil Metabolômico Urinário Por Espectroscopia de Ressonância Magnética Nuclear e Suas Relações com Desempenho Físico de Cadetes Ao Longo do Treinamento Militar

Por: Diego Fortes de Souza Salgueiro.

2021 28/05/2021

Send to Kindle


Resumo

O treinamento militar (TM) visa desenvolver componentes psicofísicos de militares para assegurar o desempenho durante operações extenuantes e/ou conflitos armados. Estes treinamentos são caracterizados por exercícios físicos continuados de alta intensidade, sob a interposição de diversos agentes estressores. Resultados de um estudo preliminar contido nessa Tese indicaram falhas de hidratação e cetogênese aumentada durante o TM da Academia da Força Aérea, caracterizando o quadro de estresse e, possivelmente, não ideal para o desempenho físico e cognitivo. Tais características do TM impõem a necessidade que ele seja melhor estudo e monitorado para que eventos indesejáveis, tais como lesões e desidratação, sejam atenuados e os ganhos de rendimento psicofísico maximizados. Neste contexto, o objetivo central desta Tese foi analisar as alterações do metaboloma urinário de cadetes e associá-las ao desempenho físico durante o TM de 5 semanas, o qual foi conduzido incorporando-se de práticas para evitar/atenuar a desidratação documentada no estudo preliminar. Os resultados mostraram modificações significativas do perfil metabolômico urinário envolvidas no metabolismo de NAD, carboidratos, aminoácidos, ácidos graxos, nucleotídeos, corpos cetônicos, fosfolipídios da membrana celular, microbiota intestinal e vitaminas ao longo do TM. Ganhos de massa magra corporal, VO2max e aumento do número de flexões e abdominais foram observados ao final do TM, concomitantes com diminuições de gordura corporal, IMC e desempenho da altura de salto. As variações nas concentrações de diferentes metabólitos foram associadas ao estresse metabólico, a variáveis psicofísicas de desempenho físico, percepção subjetiva de esforço e de composição corporal. O aprofundamento das análises com recursos de inteligência artificial selecionou subgrupos de metabólitos capazes de predizer o desempenho da altura de salto e percepção de esforço média. A partir dos resultados do estudo preliminar e estudo principal, se propõe a sugestão de medidas para avaliar a efetividade da prática de hidratação dos militares, o emprego de avaliações que podem revelar déficits físicos decorrentes do estado geral de estresse e potenciais biomarcadores de alterações psicofísicas inerentes ao TM.

Endereço: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.xhtml?popup=true&id_trabalho=10942226

Comentários


:-)





© 1996-2022 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.