Perfil Antropométrico Relaciona-se com Atividade Física e Não com o Tempo de Tela em Adolescentes

Por: Francisco Menezes Junior, Frederico Bento de Moraes Junior, Jorge Mota, Maiara Cristina Tadiotto, Neiva Leite, Patricia Ribeiro Paes Corazza, Tatiana Aparecida Afornali Tozo e Thiago Augusto Biscouto.

XII Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde - CBAFS

Send to Kindle


Resumo

A menor prática de atividades físicas (AF) e maior tempo em frente à tela (TT) podem acarretar fatores de risco à saúde e predispor ao excesso de peso.  O objetivo foi verificar as frequências da AF e do TT de adolescentes, relacionando-as ao perfil antropométrico. Participaram 806 adolescentes, entre 10 e 17 anos. Foram avaliadas medidas de massa corporal (MC), estatura, circunferência cintura (CC), razão cintura-estatura (RCEst), índice de massa corporal (IMC) e IMC-z. O TT foi mensurado por questionário, dividindo-o em três pontos de corte: < 2h/d, 2 a < 4h/d e ≥ 4h/d. O nível de AF foi realizado por recordatório de 24horas, classificando indivíduos conforme participação em AF intensidade moderada a vigorosa (AF-mv) em: inativos (0 min/sem), insuficientemente ativos (>0 a < 300min/sem) e ativos ( ≥ 300 min/sem).

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2022 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.