Os Atletas Paraolímpicos na Imprensa: Análise Comparativa da Cobertura Noticiosa da Mídia no Brasil e em Portugal de 1996-2008

Por: Tatiane Hilgemberg Figueiredo.

122 páginas. 2010 22/08/2010

Send to Kindle


Resumo

Desde os seus primórdios a sociedade sempre marginalizou e inabilitou as pessoas com deficiência. Foi apenas nos últimos 200 anos que as políticas a favor das pessoas com deficiência apareceram. Uma das dimensões da sociedade que terá contribuído para a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência, foi o fenômeno social do desporto, que facilitou seu processo de integração à sociedade. Os êxitos alcançados nesse processo, fizeram com que o esporte adaptado deixasse de ser somente terapêutico, para se tornar de alto rendimento. Dessa forma surgem os Jogos Paraolímpicos, que ocupam lugar de prestígio, e a par com outros grande eventos esportivos também têm cobertura midiática. Porém, ao se analisar a atuação da mídia no sistema de representações e discursos referentes à pessoa com deficiência, estas se encontram permeadas por subjetividades e, por vezes, reforçando preconceitos e estereótipos. É nesse contexto que o futuro estudo tem como finalidade analisar e ampliar as discussões sobre as relações entre a mídia e as Paraolimpíadas. O objetivo geral deste estudo é, então, comparar a cobertura da mídia impressa dos Jogos Paraolímpicos de 1996, 2000, 2004 e 2008, no Brasil e em Portugal, analisando a quantidade de tal cobeliura, os temas presentes, a terminologia utilizada, os tipos de deficiência com mais tempo de antena, e os estereótipos nos quais os atletas foram enquadrados. Neste sentido concluímos que há uma tendência para o crescimento da quantidade de informação sobre os Jogos Paraolímpicos ao longo do tempo, contudo este aumento é ainda muito lento e tímido. Verificamos ainda que a imprensa brasileira foi responsável pela maior parte da cobertura. (...)

Endereço: https://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/54964

Ver Arquivo (PDF)

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2022 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.