O Rugby na Educação Física: da Formação de Professores Aos Festivais Interescolares

Por: Camila Borges Müller, Ciana Alves Goicochea, Eraldo dos Santos Pinheiro, Gabriel Gustavo Bergmann, Gustavo Dias Ferreira e Patrícia da Rosa Louzada Silva.

Journal Of Physical Education - v.32 - n.1 - 2021

Send to Kindle


Resumo

A escola é um importante ambiente para o desenvolvimento da prática de atividade física e esportiva. Assim, com o intuito de desconstruir a polarização do esporte escolar, o rugby emerge como alternativa para aulas de Educação Física (EF). Diante do exposto, o objetivo do presente artigo foi descrever o processo de inserção do rugby no âmbito escolar na cidade de Pelotas/RS. Este estudo de caso tem origem em um projeto de extensão desenvolvido para difundir o rugby nas escolas de Pelotas-RS. Entre os anos de 2015 e 2017, com a participação de 102 professores no projeto, aproximadamente 9.600 alunos tiveram contato com o rugby durante as aulas de EF e 995 alunos, em festivais. Ademais, a maioria dos professores buscou a modalidade como uma nova alternativa de conteúdo e esperava conseguir aprendê-lo e inseri-lo nas aulas. Por fim, o rugby, além de ser inserido nos planos de ensino dos professores, passou a ser considerado como uma alternativa viável e positiva às aulas de EF.

Endereço: https://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/52760

Comentários


:-)





© 1996-2022 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.