Motivação, Paixão e Mindfulness: Um Estudo Correlacional Sobre Engajamento no Esporte

Por: Bartira Pereira Palma, Carolina Rosa Campos, Evandro Morais Peixoto, Karina da Silva Oliveira, Leonardo Pestillo de Oliveira e Marcos Alencar Abaíde Balbinotti.

Pensar a Prática - v.25 - 2022

Send to Kindle


Resumo

O objetivo foi verificar o efeito preditor da motivação sobre estado de mindfulness durante a prática esportiva e o papel mediador da paixão pelo esporte nesta relação. Participaram 176 atletas (M=27,05±9,06 anos) que responderam às escalas de Motivação no Esporte, de Paixão e de Estado de Mindfulness para Atividade Física. A modelagem de equações estruturais mostrou que a motivação intrínseca afetava positivamente a experiência de mindfulness no esporte. Essa relação foi mediada pela paixão harmoniosa. Observou-se dois processos de engajamento com prática esportiva, um associado a comportamento autodeterminado moderado pela paixão harmoniosa, resultando na experiência de mindfulness e outro proveniente da motivação extrínseca, resultando na paixão obsessiva pela atividade.

Endereço: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/70574

Comentários


:-)





© 1996-2022 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.