Educação Física Escolar: o Esporte Forma o Sujeito em Sua Plenitude?

Por: Liana Abrão Romero, e Thaíse Ramos Varnier.

Anais do Fórum de Estudos Olímpicos 2021 e III Simpósio Latino-americano Pierre de Coubertin.

Send to Kindle


Resumo

A o analisarmos a linha do tempo, é notória a percepção de propostas de políticas públicas nos âmbitos educacional e esportivo que, em diversas partes do mundo, enfatizaram e enfatizam as dimensões sociais da prática. De acordo com Holt (2008), os primeiros anos do século XXI testemunharam um aumento significativo do número de programas esportivos para jovens que apostavam na crença de que a participação no esporte pode ser importante para o desenvolvimento pessoal, capaz de minimizar problemas sociais como violência, envolvimento com drogas, obesidade e etc. Uma formação integral desponta nessa óptica que associa a prática esportiva a uma série de resultados positivos. O ensino do esporte assume a compreensão de um conjunto de valores que podem contribuir para uma ampla formação de sujeito nos seus aspectos cognitivo, social, moral e físico. Essa associação entre esporte e educação tem entre seus pensadores o fundador do Movimento Olímpico, Pierre de Coubertin. Segundo Rubio, (2007, p. 8) o Barão “acreditava que o esporte era uma importante forma de educação para a juventude e sua preocupação era valorizar a competição leal e sadia, a saúde e a atividade física”. Segundo Stegeman e Janssens (2004) a prática esportiva pode resultar em três efeitos diferentes: os efeitos físicos do esporte, os efeitos mentais e os efeitos sociais. Todavia, parece ser difícil isolar a variável ‘esporte’ nos processos de formação integral (BAILEY, 2005). Além disso, segundo diversos autores, existe uma carência de avaliações empíricas sobre os efeitos educacionais das práticas esportivas (BAILEY, 2005; JACOBS; KNOPERS; WEBB, 2012; STEGEMAN; JANSSENS, 2004; STIGGER; THOMASSIN, 2013). A partir do exposto, o objetivo desse estudo é discutir o debate acadêmico no campo da Educação Física no que se refere as interrelações entre o cenário de uma formação integral e o fenômeno esportivo. Este estudo teve como base a literatura em língua inglesa e portuguesa que nos darão pistas e indícios para a compreensão da problemática. Concluímos que a literatura nos sinaliza que uma concepção de formação integral, sob a perspectiva esportiva, pode estar relacionada aspectos de uma formação multidimensional, moral e ética em diálogo com o mundo da vida.

Comentários


:-)





© 1996-2022 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.