Aprendendo História: Mídias

Por: André Bueno (Organizador), Celi Estacheski Everton Crema (Organizador) e José Maria Sousa Neto (Organizador).

388 páginas. LAPHIS UNESPAR– Laboratório de Aprendizagem Histórica da UNESPARLeitorado Antiguo – UPE. 2019

Send to Kindle


Sobre a Obra

SUMÁRIO

CONVIDAD@S
CINEMA E ENSINO DE HISTÓRIA: O DOCUMENTÁRIO EM SALA DE AULA ATRAVÉSDOS FILMES O TRIUNFO DA VONTADE (1935) E O DIA DA BANDEIRA (1937). Arthur Gustavo Lira do Nascimento e Flávio Weinstein Teixeira - 8

A HISTÓRIA EM QUADRINHOS E O PROCESSO DE APRENDIZAGEM HISTÓRICA:UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO SOBRE OS ESTUDOS DE ETNICIDADE POR MEIO DO MANGÁ “MAGI: O LABIRINTO DA MAGIA” 
 Luis Filipe Bantim de Assumpção - 16

A CULTURA HISTÓRICA RELATIVA À DITADURA MILITAR BRASILEIRA A PARTIRDAS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS Marcelo Fronza - 26

AUTOR@S
A REPRESENTAÇÃO SOBRE A VIDA E A MORTE DE SÔNIA ANGEL JONES NODOCUMENTÁRIO SÔNIA MORTA VIVA Ana Cristina Rodrigues Furtado - 52

ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE OS USOS PÚBLICOS DA HISTÓRIA ANTIGA ESUAS REPERCUSSÕES Ana Lucia Santos Coelho e Ygor Klain Belchior - 59

HISTÓRIA DIGITAL NO (E DO) AMAPÁ: A EXPERIENCIA DO BLOG “ENSINO ETEMPO”  
 Anderson Luis Azevedo da Rocha - 75

FILMES NAS AULAS DE HISTÓRIA. E AGORA? POR QUE E COMO USÁ-LOS? Antônio Barros de Aguiar - 82

PROMISSORES CANTEIROS DE CLIO: TEATRO, JOGOS E QUADRINHOS (HQs)COMO ESTRATÉGIAS AO ENSINO DA HISTÓRIA Antonio Carlos Figueiredo Costa - 90

ENSINO DE HISTÓRIA E WEBQUEST: POSSIBILIDADE METODOLÓGICA PARAAULAS DE HISTÓRIA Antonio Guanacuy Almeida Moura e Jorge Luís de Medeiros Bezerra - 97

O FEMININO EM 'VIKINGS': REFLEXÕES SOBRE AS PERSONAGENS NA CULTURAESCANDINAVA MEDIEVAL Bruno Silva de Oliveira e Michelly Pereira de Sousa Cordão - 102

“HISTÓRIA EM QUADRINHOS E PATRIMÔNIO ARQUEOLÓGICO”: PROPOSTA DOPROJETO DE EXTENSÃO “ARQUEOLOGIA E EDUCAÇÃO PATRIMONIAL: CONSTRUINDO EXPERIÊNCIAS A PARTIR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ,CAMPUS MARCO ZERO”   Carlos Eduardo Barbosa e Jelly Juliane Souza de Lima - 110

A PROPAGANDA ENQUANTO INSTRUMENTO EDUCATIVO NA PROPAGAÇÃO DOANTISSEMITISMO NA ALEMANHA DURANTE O GOVERNO DO TERCEIRO REICH(1933-1945) Caroline de Alencar Barbosa - 119

UMA ANÁLISE DO FILME BYE BYE BRASIL (1979): SUA COMPREENSÃO ENQUANTO FONTE HISTÓRICA, E AS CONTRADIÇÕES DA “CHEGADA” DO MODERNO NO
BRASIL Daniel Fagundes de Carvalho Machado - 129

HISTÓRIA E NOVAS TECNOLOGIAS: UTILIZAÇÃO DE APLICATIVOS DIGITAIS NASAULAS DE HISTÓRIA David Silva Dias e Delcineide Maria Ferreira Segadilha - 137

CINEMA BRASILEIRO E ENSINO DE HISTÓRIA NO COLÉGIO DE APLICAÇÃO DAUNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA (UFSC) Diogo Matheus De Souza - 145

ENSINO DE HISTÓRIA E CINEMA: FILMES DE ANIMAÇÃO JAPONÊS COMOFERRAMENTA PARA DISCUTIR A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL Dionson Ferreira Canova Júnior - 153

PÓS-GUERRA EM SALA MEMÓRIA E CINEMA A PARTIR DO FILME ‘RAPSÓDIA EMAGOSTO’(1991) DE AKIRA KUROSAWA  Douglas Tacone Pastrello - 158

ALIENAÇÃO: REDES SOCIAIS E A CULTURA DO VAZIO Eder  Wilker Soares dos Santos - 163

ENSINO DE HISTÓRIA E GAMES: MÉTODOS E SUGESTÕES Edmilson Antonio da Silva Junior - 169

A FRONTEIRA NO CINEMA COMO REPRESENTAÇÃO: USOS E ABUSOS Eduardo Barreto de Araújo - 176

INTERNET E ENSINO: A IMPORTÂNCIA DAS ORIENTAÇÕES DOCENTES PARA UMACONEXÃO SEGURA COM A PESQUISA EM HISTÓRIA Elaine Santos Andrade - 183

PAPISA JOANA: AS POSSIBILIDADES DE ANÁLISE DE UMA PERSONAGEM NOSCONTEXTOS LITERÁRIO E CINEMATOGRÁFICO Esteffane Viana Felisberto - 191

INTRODUÇÃO À HISTÓRIA COM O RECUSO DAS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS Fabian Filatow - 198

(RE)VISITANDO O YOUTUBE: A PRESENÇA DOS POVOS ORIGINÁRIOS NAPLATAFORMA Fábio Júnio Mesquita e Ana Paula Santos de Sousa Mesquita - 205

“EBA! HOJE É FILME” E TEM AULA!: OS FILMES NO ENSINO DE HISTÓRIA Gabriel Bandeira Alexandre - 213

AS VANTAGENS DE UTILIZAR HISTÓRIAS EM QUADRINHOS COMO RECURSODIDÁTICO NO ENSINO DE HISTÓRIA Geane da Silva e Silva e Douglas Mota Xavier de Lima - 220

PRÁTICAS PARA O ENSINO DE HISTÓRIA: ABORDAGEM DO FUTEBOL EM SALA DEAULA Guilherme Henrique da Luz Oliveira - 227

A PERSPECTIVA DO TOTALITARISMO POR MEIO DA FRANQUIA"INJUSTICE": UM ESTUDO DE CASO NO ENSINO DE HISTÓRIA" Iago Bizatto da Silva e João Matheus Ramos - 233

CINECLUBE COM A HISTÓRIA E O ENSINO À DISTÂNCIA EM:PEDACINHOS DA HISTÓRIA DO CEARÁ Ivaneide Barbosa Ulisses e Celiana Maria da Silva - 237

BRINCANDO COM MEMES: A COMPREENSÃO HISTÓRICA E AS NOVAS LINGUAGENSNO ENSINO DE HISTÓRIA Jefferson Fernandes de Aquino -241

O ENSINO DE HISTÓRIA E AS NOVAS TECNOLOGIAS: QUESTÕES DE MÉTODOS E OENSINO APRENDIZAGEM DE HISTÓRIA EM PROTAGONISMO DISCENTE João Batista da Silva Junior - 247

PERSEGUIÇÃO ÀS RELIGIÕES DE MATRIZ AFRICANA NO RECIFE NA DÉCADA DE30: O JOGO DE TABULEIRO COMO FORMA DE APRENDIZAGEM Jonas Durval Carneiro e Jaime de Lima Guimarães Jr. - 253

NOVAS FORMAS DE ENSINAR HISTÓRIA: OS JOGOS ELETRÔNICOS COMOFERRAMENTA LÚDICA Jorgeana Roberta Alcântara Teixeira - 265

O USO DAS MÍDIAS EM SALA DE AULA: MÚSICAS E O ENSINO DE HISTÓRIA José Carlos Silva Neto e Otávio Vicente Ferreira Neto - 270

A EDUCAÇÃO DO CIBORGUE: QUESTÕES DO AGORA PARA O ENSINO DE HISTÓRIA Leandro Couto Carreira Ricon - 278

A PEDAGOGIA DAS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS: POSSIBILIDADES EM SALA DEAULA Lilian Bento de Souza Silva e Leonardo Paiva Monte - 286

O ANTIGO EGITO NO IMAGINÁRIO OCIDENTAL Leonardo Candido Batista - 293

USOS E POSSIBILIDADES DO ACERVO DIGITAL DA LUTA PELA ANISTIA NOMARANHÃO: ANISTIA, MEMÓRIA E ENSINO DE HISTÓRIA NO CIBERESPAÇO Leonardo Leal Chaves - 301

CINEMA E HISTÓRIA DO TEMPO PRESENTE: REGIME MILITAR BRASILEIRO EM PRAFRENTE BRASIL (1982) Marcelo Gonçalves Ferraz - 308

A ANTIGUIDADE NOS QUADRINHOS: O USO DOS 300 DE ESPARTA DE FRANKMILLER NO ENSINO DE HISTÓRIA Márcio Vitor Santos - 314

Endereço: http://revistasobreontens.blogspot.com/

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2022 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.